Rosangela_Aliberti

"Se a Arte tocar em algum ponto do homem é sinal que alcançou seu objetivo" (r_a)

Textos


AVISO IMPORTANTE 

Como um pássaro
na vertigem
não sei direito o que sou
ulltrapasso fronteiras
se fosse um verme...
rastejaria os sentidos
sobre as ondas
de um reconhecimento
instintivo, no terreno

Onde estarei?
se só sei que nada sei


Na pele de um vegetal
eu não enlouqueceria
não compreenderia o cérebro
dos anjos dos homens
nem a língua dos peixes

No piso da madrugada
sem sombra de dúvidas,
algodões andam disfarçados
de nuvens num céu
de um púrpura,
              indescritível.

Rosangela_Aliberti
Atibaia, 18 de outubro de 2009

*

AVISO
 
I
 
Odeio bafo no meu cangote
especialmente de cachaça
em excesso. Com licença,
posso detestar forrós?
...notas brega de musicalidade
me fazem chorar
prefiro assistir as evoluções
dos universitários 
de longeeeeeeeeeeeee
 
Cantores que cantam
coisas recém-saídas de hospitais
me contorcem o humor...
de brancos? (bastam
os que passeei vida)
não aprecio acidentes propositais
murros tapas & Cias
entre tapas e beijos
vão pra minha listinha NEGRA
 
Portanto sêos vizinhos,
suportem o discurso
e guardem suas gotas de sangue
suor & cerveja
para a imprensa marrom
ouvir ou ler coisas assim
pode ser deplorável...
com isso só me resta
um pedido: baile com outra mulher
de preferência a prata
da sua casa... dê a Preferência! 
 
II
 
Aviso aos transeuntes
como uma simples bituca
em local tal e qual
a um posto de gasolina

pode ser fatal
evitem experimentar
colocar fogo nas imediações 
proi-bi-das. 

 
Rosangela Aliberti
2006

art by weheartit

 

Rosangela Aliberti
Enviado por Rosangela Aliberti em 19/10/2009
Alterado em 20/08/2012
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras