Rosangela_Aliberti

"Se a Arte tocar em algum ponto do homem é sinal que alcançou seu objetivo" (r_a)

Textos


PALAVRAS

(I)

nem todos homens
concordam
rosas às testemunhas
nem todos homens
passam por cima dos
espinhos
nem todos homens
contornam mansamente  o rio

há palavras que se contorcem
voam  blefam
apodrecem e se aquietam
há palavras
que ignoram a própria força
e... outras verdes,
espatifam-se com o tempo
- falsas pedrarias

há palavras que se apóiam
de boca em boca - vazias -
outras enriquecem penam
crescem e amadurecem
cores e sementes

(II)

falas mal resolvidas
chuva de estrelas
ou saraivadas
na fala das flores
paixões doentias
ou equilibradas

no chão e céu
das diferenças...
no palco de amores...
atrás das cortinas
há vitrines e máscaras
onde as falas...
ocultam na dor
e na destruição
...um convite ao Amor.

Rosangela Aliberti
Mote oferecido em jan/fev
no Entrecampos PT/BR

Foto: Ben Goossens

Rosangela Aliberti
Enviado por Rosangela Aliberti em 17/03/2010


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras